• Guaporé News

Bolsonaro retira artigo de MP que previa 4 meses sem salário



Um artigo da medida provisória que previa a flexibilização das regras trabalhistas durante a crise do novo coronavírus foi revogado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido). A mudança foi publicada no Diário Oficial.


Ele recebeu críticas durante todo o dia principalmente por possibilitar que empregados fossem dispensados por quatro meses sem pagamento de salários. Segundo o texto, o empregador era obrigado a manter benefícios.


Bolsonaro revogou o artigo 18 da MP 927, que tem força de lei por até 120 dias até que seja aprovada pelo Congresso. A medida provisória é uma forma de enfrentar a crise do coronavírus.


Os últimos dados do Ministério da Saúde apontam para 34 mortes e 1891 casos confirmados para a covid-19. A média de idade dos mortos é de quase 76 anos.


Eduardo Lucizano, do UOL

3 visualizações0 comentário