top of page
  • Foto do escritorGuaporé News

Foragido por estupro e tráfico de drogas é preso em área de preservação na fronteira com a Bolívia



Uma operação conjunta entre Polícia Federal, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e Polícia Militar resultou na localização de um foragido por estupro e tráfico de drogas em Guajará-Mirim (RO), região de fronteira com a Bolívia. O objetivo da ação, realizada no fim de semana, era reprimir atividades ilegais que ameaçam a flora e a fauna da Reserva Extrativista Rio Ouro Preto.


No sábado (27), os agentes apreenderam duas armas de fogo, munições, madeira extraída ilegalmente, uma motosserra e uma armadilha para caça dentro da reserva. Um jovem de 22 anos foi conduzido à PF por suspeita de utilizar a motosserra em florestas sem licença ou registro do ICMBio.


No domingo (28), a operação resultou na prisão de um homem de 31 anos, que possuía mandado de prisão expedido pela 1ª Vara Criminal de Guajará-Mirim. Ele foi condenado a 13 anos de prisão por estupro de vulnerável e tráfico de drogas. A ação reforça o compromisso das autoridades em combater crimes ambientais e criminosos na região de fronteira.

6 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page