top of page
  • Foto do escritorGuaporé News

TCE-RO reforça fiscalização com novos auditores de controle externo



Em clima de emoção, o Tribunal de Contas de Rondônia (TCE-RO) deu posse, nesta sexta-feira (30/6), a 21novos auditores de controle externo, aprovados no concurso público realizado em 2019. A solenidade de posse ocorreu presencialmente, com transmissão simultânea pelo canal da Instituição no YouTube. Antes da leitura do termo de posse e apresentação dos empossados, autoridades e gestores de unidades do Tribunal de Contas e do Ministério Público de Contas (MPC-RO) destacaram, em seus pronunciamentos, a importância dos novos auditores para a missão consagrada ao Tribunal de Contas, qual seja a proteção ao erário e a fiscalização dos gastos públicos. “O Tribunal de Contas tem a missão de fiscalizar, controlar e, mais do que isso, defender aqueles que realmente mais precisam de serviços públicos prestados com qualidade. E para isso o auditor de controle externo é imprescindível, a fim de que o cidadão, o pagador dos impostos que financiam os nossos serviços, possa sentir a presença do Estado em suas mais diversas áreas”, disse o Conselheiro Wilber Coimbra, Presidente em exercício do Tribunal. O Procurador-Geral do MPC, Adilson Moreira de Medeiros, que integrou o corpo técnico do Tribunal antes de ser empossado, via concurso público, como procurador de contas, falou da relevância assumida pelos Tribunais de Contas, em particular o TCE rondoniense, considerado uma referência nacional por sua atuação. “Estão ingressando em um dos melhores Tribunais de Contas do Brasil, reconhecido pela qualidade do seu corpo técnico”, pontuou. Também o Conselheiro Edilson de Sousa Silva, gestor à época da realização do concurso público dos recém-empossados (2019), citou o esforço do TCE-RO em não só promover o certame, como também efetivar os procedimentos necessários à convocação dos aprovados, a fim da concretização de um sonho. “Agora a preocupação é a da entrega, da dedicação no trabalho, para que possamos transformar vidas em nossa sociedade”, disse. A Secretária-Geral de Administração do TCE, Cleice de Pontes Bernardo, por sua vez, lembrou que os recém-empossados são missionários da atividade primordial do Tribunal: o controle externo. “Agora, vocês passam a ser responsáveis por cuidar de mais de 1,5 milhão de rondonienses, a fim de dar a eles condições dignas de vida, por meio de serviços públicos de mais qualidade”, completou. CONTROLE EXTERNO Visivelmente emocionado, o Secretário-Geral de Controle Externo, Marcus Cezar Santos Filho, disse que o momento era especial não apenas para os empossados e suas famílias, mas também para o Tribunal de Contas, que tem seus quadros reforçados para o cumprimento de sua missão constitucional. “Nosso trabalho só terá efetividade se conseguirmos impactar a vida dos que estão lá fora. E, para isso, devemos atuar com independência, rigor técnico e imparcialidade”, acrescentou. Já o Presidente do Sindicato dos Profissionais de Controle Externo (SindControle), João Batista Andrade, falou da relevância assumida pela carreira de auditor de controle externo, bem como do desafio imposto aos TCs no momento atual, a fim de promover ou provocar mudanças significativas para a sociedade, relativamente ao bom uso do dinheiro público. EMPOSSADOS Em nome dos empossados, assinou o termo de posse a Auditora de Controle Externo Carla Caroline Pires Chagas. Além dela, tomaram posse como Auditores de Controle Externo na área de Direito: Mateus Batista Batisti, Mayana Jakeline Costa de Carvalho, Mayra Carvalho Torres Seixas, Paulo Felipe Barbosa Maia, Valentina Maria Alvarez Catalan, Victor de Paiva Vasconcelos, Wherlla Raissa Pereira do Amaral e Youri Garcia Furtado. Na especialidade de Administração, foi empossado Robnei Roni Stefanes; nas Ciências Contábeis, Alian Bruna da Silva Souza e Beatriz Nicole Peixoto da Silva; na Economia, Christopher Dyann Correa Ferreira, Diego Furtado, Juarla Mares Moreira, Leonardo Costa Motta, Paulo José Moreira de Lima, Rudmeire Maria Ferreira da Silva e Thiago Pegoretti Moser e na Engenharia Civil, André Italiano de Albuquerque e Douglas Ângelo Razabone. A partir da próxima segunda-feira (3/7), tem início do curso de formação dos novos auditores de controle externo de controle externo, com um total de 400 horas-aula. A capacitação é realizada pela Escola Superior de Contas (ESCon) e ministrada pela Secretaria-Geral de Controle Externo.


Assessoria

...

3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page