• Guaporé News

Veja onde conseguir atendimento psicológico gratuito em Rondônia



Isolamento social, perda de um ente querido, desemprego, prejuízos financeiros e saudade. A pandemia da Covid-19 causa, além da doença pelo vírus, muitos impactos na saúde mental. Para tentar diminuir os efeitos psicológicos, algumas instituições de Rondônia estão ofertando atendimento gratuito ou com preços simbólicos. Confira lista:

Atendimento com preço acessível Clínica Recriar (Porto Velho) Atendimento apenas aos sábados. Preço: Pimeira consulta custa R$ 60 e as sessões seguintes R$ 40. Público: Crianças e pessoas acima de 14 anos. Contato: (69) 98161-6558 (WhatsApp)

Associação Zequinha Araújo (Porto Velho) Preço: R$ 75 (particular) e R$ 60 (associados). Psicólogo especial: R$ 80 (particular) e R$ 70 (associado). Contato: (69) 3212-0432 Atendimento gratuito Fundação Universidade Federal de Rondônia (Unir) Atendimento: Problemas causados pela pandemia da Covid-19, vítimas de violência doméstica, pessoas com transtornos mentais e problemas da vida adulta Público: A partir de 15 anos Contato: 2182-2025 (WhatsApp)

Faculdades Integradas Aparício Carvalho do Curso de Psicologia (Fimca) Atendimento: Triagem de Atendimento Psicoterápico, além do Plantão Escuta Psicológica, individual e grupal Público: Crianças, adolescentes, adultos e casais Funcionamento: Segunda à sexta, das 8h às 18h e sábado, de 8h às 12h Contato: (69) 3217-8938 e (69) 3226-9589

Centro Universitário São Lucas (Unisl) Funcionamento: Segunda a Sexta, das 14h às 21h Contato: (69) 3211-8027

Faculdades Integradas de Cacoal (Unesc Campus I) Atendimento: Modalidade de psicoterapia presencial e online Funcionamento: Todos os dias no período vespertino, entre às 13h30 e 17h e nas quintas-feiras no período noturno, entre às 19h e 21h Contato: (69) 3441-4503

Faculdade de Ciências Biomédicas de Cacoal (UniFacimed/Cacoal-RO) Público: Pessoas com idade acima de 12 anos e abaixo 59 anos Contato: (69) 3311-1950 e (69) 99607-1656 (WhatsApp)

Fundação Ana Fonseca de Epilepsia (Porto Velho) Atendimento: Abordagem cognitivo-comportamental Público: A partir dos 16 anos Contato: (69) 9930-6860


“A gente está tendo uma nova onda de adoecimento psíquico. É um novo choque, é uma nova situação de estresse. Então quando a gente fala em nova onda da Covid também tem uma nova onda de risco para saúde mental”, relatou a psicanalista Vera Iaconelli.


De acordo com um estudo da Universidade de Ohio, a pandemia da Covid-19 causa mais impactos na saúde mental de brasileiros de que pessoas de outros países. Isso porque, conforme a pesquisa, o aumento de doenças psicológicas no país está ligado a demora em controlar a pandemia da Covid-19.



Por Beatriz Galvão*, G1 RO


3 visualizações0 comentário